fbpx Skip to main content
O home office veio para ficar? Sim!

Muita gente foi pega de surpresa no ano passado ao ter que se adaptar a uma nova rotina de trabalho. Afinal, quem imaginou que a gente teria que ficar trabalhando de casa, sem ver os colegas presencialmente e sem aquela correria do escritório?

Pois bem, foram essas situações desafiadoras que a pandemia da COVID-19 criou, e a gente precisou (sobre) viver. No geral, isso não significou algo totalmente ruim, pelo contrário. Nos mostrou que o ser humano consegue se adaptar a diversas situações. Se pensarmos bem, no fundo é aquela velha história de saber tirar um ponto positivo de cada situação, não é verdade?

E apesar de algumas pessoas não curtirem muito essa forma de trabalhar, ainda assim isso não foi nenhum fato inesperado para algumas empresas que já adotavam o regime de trabalho com escritórios em casa bem antes da crise de saúde mundial. 

Para se ter uma ideia, somente em 2018, dados do IBGE já registravam que 3,98 milhões de pessoas já exerciam suas funções trabalhistas nesse modelo, o qual permite uma maior flexibilidade e conforto para os empregados e mais economia para as empresas.

No artigo de hoje, você saberá porque esse tipo de trabalho tem tudo pra continuar durante e após a pandemia. Continue a leitura!

4 minutos de leitura.

Home office

1. A pandemia só reforçou a eficiência do home office

Devido às medidas de distanciamento social, as empresas brasileiras aderiram de vez à tecnologia, permitindo que os trabalhadores fizessem seu trabalho de casa.

Apesar de até então, alguns empreendedores “torcerem o nariz” a essa forma de trabalhar, mas muitos mudaram de ideia e pensam até em continuar com essa rotina no pós-pandemia. 

E você sabe por qual motivo isso aconteceu? Justamente porque muitos empresários viram que é possível que os funcionários façam suas atividades cada um de suas casas, e o melhor: do ladinho dos entes queridos e se prevenindo da COVID-19.

2. Redução de custos com pessoal

Com o crescimento da pandemia, as instituições inseriram diversas ferramentas de gestão de tarefas, principalmente fazendo uso de softwares inteligentes, os chamados ERP’s. 

Assim, aquilo que parecia uma realidade apenas de alguns mercados, se tornou a saída para o gestor continuar planejando as tarefas e o empregado continuar contribuindo para a organização.

Dessa forma, os gestores conseguem manter os funcionários em casa, o que reduz, por exemplo, o custo com vale- transportes, já que as equipes não precisaram mais se deslocar para as sedes. Outro ponto positivo é a diminuição de gastos com aluguel de escritório e/ou tarifas de água e energia.

Em um tempo de tantas perdas financeiras, nada melhor para as empresas do que a redução de custos para dar aquele gás no capital de giro, concorda? Pois bem, trabalhar de casa tem suas vantagens (para todo mundo).

3. Produtividade dos trabalhadores em passos crescentes

Algumas estatísticas mostram que a produtividade dos trabalhadores em home office é maior. 

Uma dessas pesquisas foi divulgada pela Universidade de Stanford, na qual o economista Nicholas Bloom destaca que quando os funcionários trabalham no ambiente familiar, eles apresentam mais satisfação e conseguem um aumento de 13% em suas performances, além de mais saúde e um ganho no rendimento humano. É qualidade vida que chama, né?

[Infográfico] 4 Técnicas para melhorar a Produtividade no Home Office

Trabalhar de casa pode parecer desafiador. Mas pode tornar uma solução com muitas vantagens ao profissional

4. Proximidade com a família

Com as tarefas feitas no conforto do lar, os chefes de famílias conseguiram ter mais tempo para estarem com seus filhos e até com os bichinhos de estimação. Devido a esse fato, essas pessoas conseguiram ter aquele fôlego no horário do expediente, coisa que é mais complicada no ambiente habitual de trabalho. 

Nada como trabalhar sem aquela pressão do escritório, fazendo as atividades no nosso tempo, não é mesmo?

Muito provavelmente as pessoas se sentem mais tranquilas ao trabalhar no lar, pois a flexibilidade é maior. Vamos combinar que não há nada melhor do que beber aquele cafezinho ou tomar um ar fresco sempre que desejar, concorda? Então, com o trabalho home office isso é possível!

Conclusão

Realmente, o regime de trabalho home office veio para ficar. Os números apontam para essa evolução e as empresas estão conseguindo driblar os efeitos negativos na economia, graças à implementação desse “novo” modelo de trabalho.

Tendo isso em vista, é importante destacar que as instituições devem seguir à risca a legislação referente ao trabalho virtual para garantir os direitos dos seus funcionários. 

É fundamental também que a organização implante equipamentos que viabilizem um exercício profissional produtivo. Feito isso, com certeza a empresa só tem a ganhar, tanto no capital humano como no financeiro.

E aí, você já tinha trabalhado de casa antes da pandemia ou também é um novato nessa empreitada? Que tal conferir este outro conteúdo que produzimos sobre como melhorar a sua produtividade em home office? Com certeza você vai gostar, aproveita!

Conversa GRATUITA com especialista

Agende uma conversa com nosso consultor e se prepare para melhorar a performance da sua equipe!

Leave a Reply